sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

14ª Edição do Concurso Nacional de Leitura - 1ª Fase - Fase Escolar - Alunos seleccionados

Nesta fase escola participaram 88 alunos do 1º ciclo - 3º e 4ºano de escolaridade- tendo sido  apurados para a 2ª fase os seguintes:

1º ciclo

João Calvário

Margarida Mendes


Muitos parabéns…


Já a prepara-se para a próxima fase  - fase municipal - a realizar-se no dia 11 de fevereiro na Biblioteca Municipal Raúl Brandão
com a obra
"História de um gato e de um rato que se tornaram amigos” de Luís Sepúlveda

História de um gato e de um rato que se tornaram amigos Max vive em Munique com os seus pais e irmãos — e com Mix, o seu inseparável gato preto com uma mancha branca na barriga. Amigos desde a infância, quando Max cresce e decide mudar de casa, leva Mix consigo. Mix adora viver no novo apartamento. Mas quando Max começa a trabalhar e não pode estar tanto tempo em casa, Mix, que está a envelhecer e a perder a visão, sente-se cada vez mais sozinho.
Um dia, Mix ouve uns passinhos suaves vindos da despensa e descobre que há um ladrão a comer os cereais crocantes do dono. Esperto, Mix deixa-se ficar quieto e, de repente, com a rapidez de outros tempos, estica a pata e sente o corpo trémulo de um minúsculo ratinho. Mex, como é batizado, é um ratinho mexicano, muito medroso e charlatão. Mas os verdadeiros amigos apoiam-se um ao outro e juntos aprendem a partilhar o que de melhor têm dentro de si.
Baseado num episódio da vida de um dos filhos de Luis Sepúlveda, a História de um gato e de um rato que se tornaram amigos oferece-nos uma vez mais uma fábula singela e divertida sobre o verdadeiro valor da amizade.


Biografia de Luís Sepúlveda
Luis Sepúlveda nasceu em Ovalle, no Chile, em 1949. Da sua vasta obra (toda ela traduzida em Portugal), destacam-se os romances O Velho que Lia Romances de Amor e História de uma Gaivota e do Gato que a Ensinou a Voar. Mas Mundo do Fim do Mundo, Patagónia Express, Encontros de Amor num País em Guerra, Diário de um Killer Sentimental ou A Sombra do que Fomos (Prémio Primavera de Romance em 2009), por exemplo, conquistaram também, em todo o mundo, a admiração de milhões de leitores. Em 2016, recebeu o Prémio Eduardo Lourenço.

sexta-feira, 6 de dezembro de 2019

14ª Edição do Concurso Nacional de Leitura - 1ª Fase - Fase Escolar


No dia 6 de dezembro, realizou-se a final da 1ª fase da 14ª edição do Concurso Nacional de Leitura, nas Escolas EB1 do Agrupamento de Escolas Francisco de Holanda.

Nesta fase, participaram 88 alunos do 1º Ciclo, da qual serão apurados 2 alunos à fase seguinte (fase Municipal)





O nosso agrupamento dá os parabéns a todos os participantes que, desta forma, dignificam a leitura.

quinta-feira, 7 de novembro de 2019

14ª Edição do Concurso Nacional de Leitura - 1ªFase - Fase Escolar



14ª Edição do Concurso Nacional de Leitura - 1ª Fase - Fase Escolar

1.º momento do CNL é da responsabilidade das escolas 
      data de realização da Prova - 6 de dezembro 2019


 Obra - "O Mercador de Coisa Nenhuma", de António Torrado



"Mercador de Coisa Nenhuma" de António Torrado



Bibliografia de António Torrado
António Torrado

António Torrado nasceu em Lisboa (1939), mas com raízes familiares na Beira Baixa. Poeta, ficcionista, dramaturgo, autor de obras de pedagogia e de investigação pediográfica, é por excelência um contador de histórias, estando muitos dos seus livros e contos traduzidos em várias línguas. Foi jornalista, editor, professor, produtor principal e chefe do Departamento de Programas Infantis da RTP. A sua bibliografia regista atualmente mais de 120 títulos, onde sobressai a produção literária para crianças, contemplada em 1988, com o Grande Prémio Calouste Gulbenkian de Literatura para Crianças. Livros seus foram, em 1974 e 1996, incluídos na Lista de Honra do IBBY - Internacional Board on Books for Young People. Segundo o crítico e investigador José António Gomes, "Torrado impôs-se como uma das figuras de maior relevo da nossa literatura do pós-25 de abril e dificilmente se encontrará hoje um autor que, de forma tão equilibrada, saiba dosear em livro o humor, a crítica e os sinais de um profundo conhecimento do imaginário infantil." 

Retirado em novembro 2019 - https://www.wook.pt/autor/antonio-torrado/1077 




quarta-feira, 30 de outubro de 2019

14ª Edição do Concurso Nacional de Leitura, 2019/2020


A 14.ª Edição do Concurso Nacional de Leitura (CNL) decorre entre o dia 7 de outubro de 2019, data oficial de abertura, e o dia 6 de junho de 2020, dia da grande final, em Oeiras.
O objetivo central do Concurso Nacional de Leitura é estimular o gosto e os hábitos de leitura e melhorar a compreensão leitora. A iniciativa tem como destinatários alunos dos 1.º,2.º, 3.º ciclos do ensino básico e alunos do ensino secundário.
Cabe ao Plano Nacional de Leitura 2027 (PNL2027) a iniciativa e o desenvolvimento do CNL, ao longo de quatro fases consecutivas:
Fase Escolar / Municipal – Engloba as provas nas escolas/agrupamentos e nos municípios.
O 1.º momento é da responsabilidade das escolas/agrupamentos do Continente e dos Arquipélagos dos Açores e da Madeira, bem como do Camões, IP e da DGAE/DSEEPE, nas escolas portuguesas e da Rede de Ensino Português no estrangeiro que aderirem a esta iniciativa.
O 2.º momento traduz-se pela realização de provas organizadas pelas Bibliotecas Municipais, dirigidas aos alunos vencedores do momento anterior.
Fase Intermunicipal – Esta fase congrega os vencedores selecionados em cada um dos municípios para a realização de provas nas Comunidades Intermunicipais ou Áreas Metropolitanas, a decorrer nestas datas.
Fase Nacional – conta com a participação de todos os parceiros e é constituída por uma prova que apurará cinco finalistas em cada nível de ensino, os quais serão, na cerimónia final, ordenados em função da avaliação de um júri nacional, a constituir para o efeito.

segunda-feira, 29 de abril de 2019

CONCURSO NACIONAL DE LEITURA - Fase Intermunicipal


Concurso Nacional de Leitura teve lugar na Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, Vila Nova de Famalicão, Fase Intermunicipal da CIM do Ave, o Concurso Nacional de Leitura 2019. 
Parabéns à nossa aluna Sofia Navarro (4º ano de escoaloridade) que  passou à Fase  Nacional do Concurso Nacional de Leitura. Esta terá lugar no auditório Altice – Forum de Braga, no dia 25 de maio.
A biblioteca escolar da EB1/JI de Santa Luzia e todo o agrupamento  felicita a aluna pelo seus resultados. 
Boas leituras!









terça-feira, 23 de abril de 2019

Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor


Todos os alunos do 1º ano de escolaridade do Agrupamento comemoraram o Dia Mundial do Livro ....nada melhor que na Biblioteca Municipal Raul Brandão.
Os alunos participaram na atividade "O Nabo Gigante - Expressão dramática e bailado", na 
Biblioteca Municipal Raúl Brandão, apresentado por Letras e Probabilidades.




Sinopse:
"O contacto com obras literárias através da Dança e do Teatro, é uma forma de arte GRANDIOSA. Desperta à plateia variados sentimentos enriquecedores que vão definindo e marcando a personalidade e o carácter do ser humano."






Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor


A UNESCO criou a data do "Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor" para encorajar as pessoas a descobrirem o prazer da leitura, e conhecerem a enorme contribuição dos autores de livros através dos séculos.
Uma tradição catalã ligada aos livros já existia no dia 23 de abril, e parece ter influenciado a escolha da UNESCO. Na tradição catalã, no dia de São Jorge (23 de abril), é costume oferecer uma rosa para quem comprar um livro. Trocar flores por livros já se tornou tradição noutros países também.

Origem do Dia Mundial do Livro
A UNESCO escolheu a data do Dia Mundial do Livro em 1995, em Paris, durante o XXVIII Congresso Geral.
O dia 23 de abril foi escolhido por ser a data da morte de três grandes escritores da história: William Shakespeare, Miguel de Cervantes, e Inca Garcilaso de la Vega.


A imagem pode conter: texto

terça-feira, 2 de abril de 2019

Dia Internacional do Livro Infantil

DIA INTERNACIONAL DO LIVRO INFANTIL.

Visita dos alunos da Escola EB1 de Stª Luzia.



Dia Internacional do Livro Infantil 2019

"No dia 2 de abril comemora-se em todo o mundo o nascimento de Hans Christian Andersen. A partir de 1967, este dia tornou-se o Dia Internacional do Livro Infantil, tendo sido a sua comemoração inicialmente da responsabilidade do IBBY Internacional, mas alargada depois a todas as instituições que chamam a atenção para a importância da leitura e dos livros para a infância." retirado: http://dglab.gov.pt/dia-internacional-livro-infantil-2019/


quinta-feira, 7 de março de 2019

Semana Concelhia da Leitura 2019

27º Aniversário Biblioteca. Apresentação dos vídeos " Elogio a Sophia" e "Elogio à Leitura". Abertura da Semana Concelhia da Leitura.
A imagem pode conter: texto





















Elogio a Sophia - " O Poema "